Sobre Mim

Olá, Sou o Fábio!


Sou de Lisboa, estudei engenharia electrónica e de telecomunicações no Instituto Superior de Engenharia de Lisboa e trabalho como engenheiro de telecomunicações numa multinacional fabricante de equipamentos de telecomunicações desde 2017.

Trabalhei, desde 2008 até 2016, na Sonater, uma empresa ligada aos transportes de mercadorias, da qual fiz parte da fundação juntamente com o meu pai. Durante esse tempo ocupei funções como distribuidor, administrativo e gerente. Desde 2016 a minha ligação à Sonater é apenas como sócio.

A experiência conseguida durante esses anos permitiu-me uma aprendizagem bastante transversal, abrangendo áreas como o contacto com o cliente e fornecedores, até questões mais relacionadas com gestão e administração, como contabilidade, fiscalidade, código de trabalho e comercial, ... Não esquecendo a condução fora de estrada, à noite e sem GPS!

Ter feito parte da criação da Sonater com o meu pai, para quem o tema já não era novo, foi algo especialmente interessante. Não só pela aprendizagem, claro, mas pela experiência de criar uma entidade a partir do nada, desde um nome, uma marca, o património dessa entidade, e começar a ver a máquina a funcionar. Tudo isso foi algo que me deu uma enorme satisfação. O interesse por tecnologia e o gosto pela área mais empresarial, juntou-se ao prazer que sinto em criar coisas novas para impulsionar um projecto que ligasse as duas.

A forma que o projecto ganhou, ou está a ganhar, foi algo que tem vindo a ser gradual. A ideia mais primordial surgiu com o interesse demonstrado por uma empresa de sistemas de rega, num trabalho que fiz na faculdade. Era o meu trabalho final da licenciatura e a única coisa em comum com algum sistema de rega era também usar água para funcionar. Ainda assim essa empresa ter mostrado interesse no meu trabalho, fez-me perceber que existe um mercado para soluções electrónicas personalizadas, cuja procura não estava a ser suprimida. Mais tarde, depois de um convite de outra empresa para desenvolver sistemas electrónicos num regime de prestação de serviços, a ideia de desenvolver “sistemas à medida” por minha conta progrediu. Daqui veio a parte da electrónica e do software. A necessidade permanente que fui sentindo em criar peças personalizadas, que se adaptem às minhas necessidades como, por exemplo, a criação dos chassis que dão suporte aos circuitos dos meus próprios projectos, levou-me a considerar a impressão 3D. Esta opção fez-me pensar que talvez haja mais gente com necessidades semelhantes mas que, por questões de investimento, espaço, conhecimentos técnicos, ou baixo volume de impressão, não querem optar pela compra de uma impressora própria e para quem os serviços de impressão existentes (que imagino que sejam de elevadíssima qualidade, mas com um preço a condizer), não sejam uma opção para aquilo que precisam de imprimir. Daqui veio a terceira área de focus, a impressão 3D “on demand”.


Alguns detalhes sobre o projecto

Agora, num estado inicial, o projecto adopta o meu nome, mas a facturação será feita pela Sonater. Mais tarde, se tudo correr bem e as coisas já estiverem em velocidade de cruzeiro, provavelmente passará a ser uma sub-empresa da Sonater, possivelmente com o nome Sonater – Dispositivos e Sistemas. Essa parte mais burocrática está a ser vista com as técnicas (sempre tão pacientes!) que tratam do código comercial, contabilidade, etc.

Uma vez que, como disse no inicio, a minha ocupação principal é como engenheiro de telecomunicações, o desenvolvimento dos projectos pedidos (à excepção das impressões 3D, que devem ficar prontas em poucos dias) deve ser algo que demore algum tempo. No entanto, conforme as coisas se vão agilizando e com a eventual entrada de alguns parceiros para trabalhar comigo, espero que esses tempos se reduzam.

Para mais detalhes podem espreitar o meu CV. Não hesitem em enviar mensagens com dúvidas, sugestões, opiniões, etc.!

Até já!